28/03/2014

Postado por PIBID Sociologia UFBA
| sexta-feira, março 28, 2014




A coordenação do PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO A DOCÊNCIA DA UFBA torna público a abertura de seleção para SUPERVISORES destinada aos PROFESSORES DA REDE DE ESCOLAS PÚBLICAS da Bahia, que acompanharão as atividades dos bolsistas PIBID-UFBA, com o objetivo de preencher novas vagas aprovadas pela CAPES/MEC, bem como criar cadastro de reserva necessário ao processo de ampliação do Programa.


27/01/2014

Postado por PIBID Sociologia UFBA
| segunda-feira, janeiro 27, 2014
O Pibid de Sociologia da UFBA iniciou suas atividades em 2014 realizando o II Café sociológico, cujo tema foi: "REPENSANDO O EDUCAR: desafio da inclusão”. 
O evento contou com a participação da professora Nanci Araújo Bento, do instituto de Letras da UFBA, João Lima, graduando em ciências sociais pela UFBA e Priscila Isabel, aluna do curso de serviço social da UFBA, tendo como mediadores os bolsistas Miguel Pereira e George Hora. 
Os debatedores trouxeram suas experiências sobre os desafios que as pessoas com necessidades especiais enfrentam, principalmente no acesso ao ensino, onde os bolsistas puderam tirar suas dúvidas e obter experiência para aprimorar a prática docente. 



Agradecemos aos convidados e aqueles que puderam prestigiar o evento e desde já avisamos: muitos outros cafés virão em 2014.

09/12/2013

Postado por PIBID Sociologia UFBA
| segunda-feira, dezembro 09, 2013
A manhã desta terça-feira, 03/12/2013, foi agitada para os alunos do Colégio Estadual Thales de Azevedo, localizado em Costa Azul, na orla da capital baiana. As aulas de Sociologia foram esquentadas por calorosas discussões sobre o conceito de “Gênero” a partir da intervenção dos bolsistas Jacqueline, Juliana e Saul, integrantes do PIBID- Sociologia da Universidade Federal da Bahia. A exibição do vídeo “Acorda Raimundo... Acorda!”, com duração de 16 min, dirigido por Alfredo Alves, baseado na rádionovela de José Ignácio Lopes e com participações dos atores Paulo Beti, Eliane Giardini e José Mayer apresentou a inversão dos papéis entre os “sexos” através da história de Marta e Raimundo, uma família operária que vive no cotidiano uma realidade em que as noções de “masculinidade” e “feminilidade” são postas em xeque.

Além da mostra do filme, os alunos, agrupados em equipe, apresentaram letras de músicas de Pagode e Funk nas quais as mulheres são associadas às imagens animalescas, de submissão e concebidas como objetos sexuais. “A mulher vista como sinônimo de procriação é resultado de uma imagem construída socialmente. O ato sexual é dotado de uma série de significados”, explicou a professora Lílian Aquino.


Segundo ela, existe um processo de construção social permeado por relações de poder e as aulas de Sociologia servem para desconstruir alguns padrões socialmente aceitos. “Os comportamentos não são inatos, eles são adquiridos, modificados e ressignificados. A sociedade atribui os lugares que as mulheres devem ocupar. A ideologia é perversa! As pessoas não conseguem ter uma autocrítica em relação à realidade”, declarou a Socióloga.

Lílian Aquino citou o Projeto de lei nº 19.237/2011 conhecido como “Antibaixaria”, de autoria da deputada Luiza Maia (PT), no qual proíbe o poder público de financiar bandas cujas músicas desvalorizem, incentivem a violência ou exponham as mulheres à situação de constrangimento. “As mulheres precisam reivindicar seus direitos, assumir uma postura política e afirmar suas identidades”, enfatizou. 



Os bolsistas do PIBID exibiram slides com os conceitos de “gênero”, “sexo” e “orientação sexual’, e os alunos do Colégio Thales de Azevedo tiveram a oportunidade de discutir sobre os anseios, questionamentos e dúvidas que rondam o universo “masculino” e “feminino” no país.

04/12/2013

Postado por PIBID Sociologia UFBA
| quarta-feira, dezembro 04, 2013
A segunda atividade do Pibid de Sociologia da UFBA, no ciclo 2013.2, no Colégio Estadual Odorico Tavares, aconteceu nos dias 24, 25 e 29 de Outubro de 2013, com os bolsistas Rômulo Iago, Nailton, Zósimo, Deise e Fabiane sob a supervisão do professor Cícero Muniz. As intervenções foram realizadas nas turmas 3m3, 3m7,3m1 e 3m2 com o tema ”Sistema Político Brasileiro: O que é, como funciona e suas instituições”.
A Atividade teve como objetivo dialogar com os estudantes a organização politica no Brasil, o papel dos três poderes, quantos e quais são os seus representantes, qual a função deles e quais as instituições que exercem influencia para que essas funções sejam cumpridas. A Atividade foi pensada para ser apresentada através de slides e videos, entretanto não conseguimos o recurso no colégio, o que fez com que a atividade fosse realizada de maneiras diferentes pelas duplas de bolsistas.



Nas turmas 3m3 e 3m7, com os bolsistas Fabiane Cerqueira e Rômulo Iago Santos, a atividade foi iniciada com dois jogos populares, forca e jogo da velha, para que todos os alunos tentassem participar e ganhar. Após a realização dos jogos, fizemos a relação do interesse pela participação com o conhecimento das regras e questionamos se os estudantes sabiam como funcionava o sistema político brasileiro. Desse ponto partimos para explicar o sistema político brasileiro explicando o que significa república, presidencialismo e federalismo. Sem deixar de falar da tripartição dos poderes (tendo Montesquieu como marco teórico).
Nas turmas 3m1 e 3m2, com a bolsista Deise, a atividade foi uma aula expositiva com debates. No conteúdo da atividade destacou-se a organização politica no Brasil, o papel dos três poderes, quantos são, quem são e o que fazem? dos Partidos Políticos e do voto, enquanto o instrumento que possibilita a população entregar  de forma  temporária o poder. Alguns estudantes demonstraram um certo conhecimento acerca dos poderes no Brasil, mas no geral observou-se uma confusão e desconhecimento, o que é preocupante em uma democracia que se pretende consolidada, todos apresentaram uma total não identificação com os partidos políticos, o que nos faz refletir sobre a dificuldade de consolidação dos partidos enquanto formador de identidade no Brasil.



Mesmo com todas as adversidades, consideramos que a atividade conseguiu cumprir seu objetivo de explicar aos estudantes como funciona o sistema político brasileiro e quais as representações e instituições do mesmo. A recepção dos estudantes com o tema foi boa, é importante que a escola possibilite ao estudante este tipo de conhecimento que mais do que sociológico é direito do cidadão.
Postado por PIBID Sociologia UFBA
| quarta-feira, dezembro 04, 2013

Na sexta-feira, 09/ 11, os bolsistas Miguel e Soraia encerraram as atividades da  terceira unidade, no Colégio David Mendes, com as turmas do terceiro ano.  A atividade titulada “Ética e política: os fins justificam os meios?” pretendeu problematizar a questão da ética na política, sua validade e os limites para o alcance dos fins desejados na política. 



Num primeiro momento, houve uma breve explanação sobre os conceitos de ética, política e responsabilidade, conceitos esses trazidos pela perspectiva de Nicolau Maquiavel e Max Weber. Em seguida foram exibidos alguns trechos do filme Animal Farm (1954), o qual os estudantes identificaram em que medida os acontecimentos do filme refletiam e se relacionavam com o tema proposto em sala. Após isso, eles expressaram suas opiniões sobre como e de que forma poderia haver ética na política, em que medida a política deveria levar em conta valores pessoais, religiosos, morais, etc. a partir do questionamento: para conseguir seus objetivos, sejam eles quais forem, vale tudo?

 

No geral, a atividade foi boa, todavia em algumas turmas a falta de tempo, por diversos motivos, implicou numa redução da participação dos estudantes na etapa final.